11/03/2016

[Resenha] Nunca Julgue Uma Dama Pela Aparência – Sarah MacLean

Oiii meus Amores!

Vamos terminar mais uma série inteira de livros resenhados (a primeira foi Reasobable Doubt) com Nunca Julgue Uma Dama Pela Aparência.  A blogueira está até emocionada. 😍 E o mais legal é que comecei a ler a série O Clube dos Canalhas mais pela capa linda, #BlogueiraFutil só que os personagens são tão apaixonantes que você se vê salivando par ler o próximo livro assim que termina o anterior.
E esse ultimo fechou mesmo com chave de ouro, preciso admitir.

Então, pela ultima vez (bom… pelo menos eu acho que esse é o ultimo livro da série, a página da Sarah é horrivelmente mal organizada 😒), vou convidar vocês para a maior e mais exclusiva casa de jogos de Londres.

Vamos voltar ao Anjo Caído? 😈

Nunca julgue uma dama pela aparencia 1 - Pt

Acabei me apaixonando pelo estilo da Sarah.

Duncan West, assim como todos os homens, enxerga apenas o que quer…
Mas ele estava prestes a ver o que não queria.
Para a aristocracia, Lady Georgiana é a pobre irmã de um duque, rejeitada pela família após ter sido arruinada no pior tipo de escândalo possível: uma mulher que fez escolhas infelizes ao entregar-se de corpo e alma para um rapaz que todos desconhecem.
Mas a verdade é sempre muito mais chocante! Nos recônditos mais obscuros de Londres, Lady Georgiana é a mulher mais poderosa da Grã-Bretanha, a rainha do submundo londrino, e atende pelo nome de Chase, o lendário e temido fundador do cassino mais exclusivo da cidade, o Anjo Caído.

Circulando disfarçada pelos corredores de seu império, Chase sabe dos piores segredos dos figurões da sociedade e tem todos os poderosos na palma de sua mão, mas durante anos os seus próprios mistérios nunca foram descobertos… Até agora!
Brilhante, inteligente e bonito como o pecado, o jornalista Duncan West está intrigado com a linda mulher – que de alguma forma está ligada a um mundo de trevas e perdição. Ele sabe que Georgiana é muito mais do que parece e promete desvendar todos os seus segredos, expondo seu passado, ameaçando seu presente e arriscando tudo o que ela tem de mais precioso. Inclusive seu coração.

Ahhhhh! Mas você só pode entrar no Anjo comigo se já for um membro! Ou seja, se já leu os livros anteriores da série. Amores, é impossível cair de paraquedas aqui, já que todas as histórias são super entrelaçadas. Para ser também membro de O Anjo, clica AQUI para ver a resenha dos outros livros da série. Ou pula lá pra baixo, para o último parágrafo, que eu explico melhor.

Mas se você já está até de máscara para entrar (como toda dama precisa estar para conhecer O Outro Lado), vamos lá. 😈

Depois da revelação bombástica do terceiro livro, que infelizmente vou falar aqui (mas que não vai fazer diferença se você leu os três primeiros livros), o quarto sócio do Anjo Caído, o misterioso Chase, na verdade é uma mulher. 😱#morri 😱 Mas sabe que eu desconfiei disso ainda no segundo livro? Achei que a tal Anna tinha muito poder para ser apenas a prostituta mais cara de Londres, e também, ela respondia pelo Chase. Sempre achei que tinha caroço nesse angu. Aí, la na metade do terceiro livro, quando estamos no Outro Lado (a parte feminina de O Anjo), quando Temple ganha mais uma luta e Anna é chamada por um segurança, tive certeza de que ela era o Chase.

Amor. A matéria prima dos sonetos e galanteios e contos de fadas e romances.

Amor. A emoção ardilosa que faz homens chorarem e cantarem e arderem com desejo e paixão.

Mas Anna não é apenas Chase, que se disfarçada de prostituta para andar livremente por seu cassino, ela é também uma dama da sociedade em desonra. Georgiana é irmã de um Duque e filha de outro Duque, como eles mesmos fazem questão de dizer. E isso torna tudo ainda mais incrível.

Ele nunca havia oferecido a ninguém o que ele oferecera a ela naquele quarto escuro. Ele nunca havia oferecido sua proteção. Seus fundos. Seu suporte.

Ele próprio.

Vejam bem, sabemos que Chase foi o fundador de O Anjo, ele salvou o marques de Bourne (sua história é contada no primeiro livro, Entre o Amor e a Vingança) e o Duque de Lamont (de Entre a Ruína e a Paixão) de serem mortos ao cobrar uma dívida de jogo e também salvou Cross (de Entre a Culpa e o Desejo) quando ele estava deprimentemente abandonado em um beco sujo da cidade. Chase escolheu a dedo seus três sócios e entrou com o dinheiro e a ideia de construir O Anjo.

Nunca Julgue uma dama en2

Só para não perder o cortume. li em inglês primeiro. rsrsrsr

Mas o que levou uma dama da sociedade a fundar um cassino é a parte principal da história. Georgiana foi enganada por um homem quando era ainda muito jovem, aos 16 anos. Antes mesmo de debutar na sociedade. Ela não teve nem esse direito. Então, desonrada, ela na verdade se viu livre para se tornar o homem mais poderoso de Londres, já que Chase possui os segredos mais bem guardados da nobreza.

West não sabia porque a ideia era tão inquietante e desagradável para ele. Ela não era a primeira nem seria a ultima a comprar um marido.

Nem a ser vendida para um.

Bem, Georgiana vive feliz afastada da sociedade, depois do que aconteceu com ela, porém ela se vê obrigada a voltar a fraquentar os bailes em busca de um marido. Georgiana decidiu que precisa de casar com um nobre, ela precisa do título. Não vou contar o motivo, porque aí já seria falar muito, mas um homem tão poderoso quanto Chase entra em seu caminho. O nome dele é Duncan West, dono de cinco dos mais importantes jornais londrinos, e antigo parceiro de negócios de Chase. Juntos eles controlam o que o povo de Londres deve saber e, mais importante, pensar.

Porque o homem que possua acesso exclusivo a você seria capaz de passar um dia se quer sem toca-la.

Por mais que a atração entre eles seja incrivelmente forte, existem segredos intransponíveis entre eles e também, Chase, que talvez seja o maior impedimento de todos. Pois como West não sabe que Georgiana na verdade é Chase, ele acredita que ela pertence a ele. Nossa…. incrível! #meAbana 🙈

minions batendo palmas

Sou o minion do meio, terminando de ler o livro. rsrsrs

Paralelo a isso, temos a amizade entre os sócios de O Anjo, que é incrível. Aqui vemos como eles são realmente unidos, não que isso não esteja presente nos outros livros, porque está, só que aqui vemos isso de uma forma mais aberta. Sempre que uma história envolve esse tipo de amizade, eu me derreto toda. A história é envolvente, assim como as dos outros livros dessa série, mas aqui temos aquele segredo sobre o Chase que, se descoberto, pode ameaçar o futuro de O Anjo Caído.

Nunca julgue uma dama pela aparencia 2 - Pt

Nunca Julgue Uma Dama Pela Aparência

O Clube dos Canalhas, livro 4

Sarah MacLean

Editora Gutenberg (no Brasil)

Classificação: ★★★★☆ (4)

 

Nunca Julgue Uma Dama Pela Aparência está em promoção aqui:

Livraria da Travessa  supermercado extra Livraria Cultura
Livraria da Folha Submarino

 

Pra quem não conhece a série, e pulou lá de cima pra cá, O Clube dos Canalhas é uma série composta por quatro livros e cada um foca em um dos quatro donos de O Anjo Caído e todos já foram lançados em português. Olha a ordem de leitura aqui em baixo.

Livro 1

Livro 1

entre a culpa e o desejo

Livro 2

entre a ruina e a paixao 3

Livro 3

Não Julgue uma dama pela aparência - Sarah MacLean

Livro 4

Já leu a série? Me conta qual é o sócio de O Anjo Caído que você mais gosta! Fico toda boba quando falo com vocês.

Bjos 1000!

Jaque

Jaque

Carioca, casada e apaixonada por livros. Lê de tudo, mas prefere romances.Totalmente Disney Freak, ama tudo que a Disney produz. O apertamento onde mora quase não comporta o tamanho do amor pelos livros (agora compra mais e-books), até porque, metade de mim ama ler e a outra metade está ali com um livro na mão.

"...as lost as Alice as mad as the Hatter"
Jaque

4 Comentários

  1. Dayane Silva says:

    Jaaaaaque do céu! Já comentei aqui uma vez (a única, na verdade..) sobre o outro livro da série da Sarah (Love by numbers). Caaaara! Eu depois que li 9 regras a ignorar fui procurar sobre a Sarah .. E não me contive em comprar todos os livros da série ‘O Clube dos Canalhas’. Eu estou simplesmente APAIXONADA por todos e não vejo a hora de terminar o livro 4. Não vejo a hora não, pq quando acabar vou sentir saudades .. Que leitura gostosa! Me sinto como uma dama de Londres, uma afiliada do Anjo hahaha
    Pra mim, a melhor história é a de Cross .. É um misto de inteligência com inocência (por parte de Pippa) que eu me encantei por demaaaaais ❤️
    Já falei que amo seu blog? Eu amo seu blog .. Suas resenhas..
    Você já leu os livros da série ‘Sweet’ da Maya Banks? Estou com dois para ler .. Mas assim que terminá-los, vou começar a ler o livro Desejo Proibido (acho que é esse o nome.. Eu acabei de ler a resenha dele aqui no seu blog.. É o da menina que da aulas pra um presidiário..) enfim! Vou ler rs .. Gostei da história. Nada que se compare a minha paixão pelos romances de época, mas me interessei pela história.
    Parabéns pelas resenhas maraaaas! Beijinhos 😘

    • Jaque
      Jaque says:

      Oiii Dayane, minha flor!
      Deixa eu começar me desculpando pela demora a responder, normalmente eu não demoro tanto, mas estava viajando e só voltei tem uma semana. Ainda estou organizando os assuntos do blog. Mas que ÓTIMO saber que voltou! Eu também AMO a série O Clube dos Canalhas, também li um livro atras do outro, amo o Cross, mas acabei me apaixonando pelo Temple também. Tipo, super me sinto membro de “O Anjo” 😈, aliás escrevi isso em todas as resenhas sobre os livros da série. (eu amei tanto que escrevi sobre os 4 livros…rsrsrs) Eu lembro que você comentou sobre a série “Love by Numbers” sim! Eu não conhecia quando você me indicou, mas olha você estava certa, é linda mesmo.
      Não conheço a série “Sweett”, pelo menos não estou me lembrando de conhecer. Vou procurar saber, pois já vi que você dá ótimas dicas de leitura.
      Ah! Quando terminar de ler Desejo Proibido, volta pra me contar o que você achou, esse é um dos meus livros queridinhos! Amei demais mesmo.
      Mas olha, amei mais ainda o seu comentário. Eu fico tão feliz quando alguém fala que gosta do blog, pois eu escrevo com muito amor mesmo. Obrigada pelo carinho e pelas suas palavras tão gentis. #blogueiraFelizDemais
      Bjos 1000!

  2. Dayane Pereira says:

    Jaque, terminei de ler! 🙁 #sad
    Me segurei para as lágrimas não rolarem dentro do ônibus e as pessoas não me acharem louca. rs Me emocionei com o final de Chase, ou seria sua vitória!? rs
    Sarah mais uma vez sendo magnífica na sua escrita. Quero ler de novo, só pra não me sentir longe do O Anjo! Já estou com saudade das máscaras..

    • Jaque
      Jaque says:

      Oiii Dayane!!!
      Lindinha, eu também me emocionei muito com o final. Foram lágrimas de alegria (dessa vez dei a sorte de estar em casa… mas eu já chorei na rua várias vezes também… rsrsrs) em ver como todos os personagens estão e tals. Um final lindo para uma série linda da vida né?! Só fica mesmo uma mega saudade. E eu consideraria sua vitória. Chase é mesmo o máximo.
      Sim, eu mesma me peguei relendo alguns trechos dos livros outro dia…. Ah… O Anjo! Nunca vamos esquecer.
      Obrigada por vir me contar suas impressões.
      Amei falar com você.
      Bjos 1000!

Deixe um Comentário